Luz dos meus olhos ilumina meus passos
Me ensina o respeito, amor e gratidão
Luz da minha vida me carrega nos braços
Me protege do medo, do pesadelo e escuridão

Sol dos meus dias, me ensina o caminho
Não me deixe sozinho
Segure minha mão, me ensina a andar
E alimenta meu ser com o seu ser, Minha Flor

Minha estrela brilhante
Que acompanha meus avanços
Que não me deixa cair
Ensina-me a levantar
Faz- me não temer, faz-me acreditar

Meu jardim de encantos
Contarei para o mundo
Cada segundo que me ensinaste a viver

E desse amor tão profundo
Direi “Muito obrigado, minha mãe querida!”
Minha estrela brilhante,
Agora brilharei por você!

Nairon J. Alves
Maio, 08, 2011 às 20h30min

Poema escrito para a minha mãe, Nazarete, com todo o meu coração!