Tenho algo muito sério pra te dizer,
Talvez você partilhe da mesma sensação,
Talvez, mas só talvez, não.
É que não posso te deixar ir,
Partir, sei lá, é difícil
Eu quero rir, não chorar, mas…
É que tudo aparenta ser mais fácil com você,
O riso, a conversa olhos nos olhos,
Os desejos, os sonhos e até os medos.
Eu sei, disfarçamos tudo de amizade,
Ou eu disfarço, e desfaço toda a minha ilusão.
Mesmo de coração apertado
De olhos fechados
E com um sorriso sem graça
Fingindo estar tudo bem,
Mas, aqui, só talvez, eu possa dizer,
Com todo o meu coração,
Ainda que seja em vão, ou não,
Eu… Eu nunca te esquecerei,
Porque é sempre mais fácil querer esquecer.

Nairon J. Alves
Abril, 28, 2012 às 01h24min