Sabe, eu gosto de você, do seu sorriso
Do tamanho do mundo, lindo, profundo,
Sorriso de quem não tem nada a esconder,
Junto com o olhar, o consolar e o amar.

Sabe, eu penso em você, eu penso no futuro,
Eu vagueio sem rumo, entre estar e sonhar,
Onde toda a fantasia pode ser realizada,
Onde essa poesia foi cantada.

Eu sinto tudo ao mesmo tempo,
Eu amo, sonho, danço, te desejo, sim,
Eu te almejo, tanto, tanto, pra mim,
Que deixo meu orgulho de lado só pra te desejar.

Eu gosto de pensar que te desejo e sinto,
Sinto você aqui, pra mim, afim, sem fim,
Onde o dia não termina e a noite se emenda,
Sem medo, sem tempo, sem sonho, sem venda.

Porque, pra mim, eu gosto de você assim,
Sem tempo bom ou ruim, se, ou não, sorrir,
Triste ou feliz, com lagrimas salgando a face,
Porque eu gosto de você assim, assim.

Nairon J. Alves